Reunião dos Responsáveis das Unidades Coronarianas dos Hospitais reforça atendimento Pré Hospitalar do SAMU 192 CAMPINAS nos IAM após uso de Trombolítico.

14/10/2008

Texto e Fotos: Dr. Hansen

Dando continuidade ao processo de implantação do tratamento fibrinolítico ao paciente com infarto, aconteceu no dia 14 de outubro de 2008 uma reunião com os responsáveis de Unidades Coronarianas.

Os presentes foram Dr. José Francisco Kerr Saraiva - Secretário de Saúde e que também representou o Hospital da PUCC, Dr. Carlos Reverberi representando o Hospital Mario Gatti, o Dr. Otávio Coelho representando o Hospital das Clínicas da Unicamp, Dr. José Ricardo Pereira de Paula representando o Complexo Hospitalar Ouro Verde, O Diretor de Saúde - Dr. Pedro Humberto Scavariello, O Coordenador dos Serviços de Urgências – Dr. Marcelo Augusto Sartori e o Coordenador do SAMU 192 CAMPINAS - Dr. José Roberto S. Hansen.

A finalidade da reunião é fortalecer a pactuação entre os serviços para que os pacientes infartados e que foram submetidos ao tratamento pré-hospitalar com fibrinolítico (Tenecteplase) tenham acesso facilitado as Unidades Coronarianas para a manutenção do tratamento.

“O recebimento de pacientes já medicados no pré-hospitalar já estarão adiantando um passo importante no tratamento que somente acrescenta e qualifica o atendimento” referiu o responsável do Serviço da UNICAMP.

O SAMU 192 CAMPINAS que implantou o uso de trombolítico no atendimento pré hospitalar estará sendo o primeiro serviço da RMC e um dos primeiros no Estado de São Paulo.

No dia 18 de outubro de 2008, mais uma fase será concluída com a Capacitação de Médicos e enfermeiros na atuação prática do IAM que será realizada no CENTRO DE TREINAMENTO E SIMULAÇÃO EM INFARTO DO MIOCÁRDIO – IAM em São Paulo /SP.

Esses profissionais em seguida serão responsáveis em repassar o conhecimento aos demais profissionais do SAMU 192 CAMPINAS.